Zeros e uns são o novo labirinto do homem-touro?

Minotauro

Zeros e uns são o novo labirinto do homem-touro?

Mitologia Grega: Minotauro, o devorador de homens

Na mitologia grega, o Minotauro ou touro de Minos é uma figura com cabeça e cauda de touro e corpo de homem que vivia em um labirinto. Foi Teseu quem derrotou a criatura. Em Minos, ele se apaixonou por Ariadne, filha do rei, que o ajudou no combate com um novelo de lã para não se perder no labirinto e com uma espada mágica. (http://www.mitologiagrega.net/minotauro/)

Em nosso primeiro artigo, vamos retroceder aproximadamente 3 mil anos no tempo. O local: a mitológica ilha de Creta, governada pelo rei Minos. Lá existia um labirinto habitado por uma criatura devoradora de homens.

Voltando aos nossos dias, a era da Sociedade em Rede, as pessoas jurídicas e as pessoas físicas que dependem diretamente do público em suas atividades profissionais vivem uma situação semelhante: a internet é um labirinto onde todos precisam estar, e prontos a ajudá-las estão diversas Ariadnes ávidas por novos clientes. Entretanto, é comum encontrarmos novelos feitos de linha de costura e espadas de plástico. Muitas “filhas online do rei” não estão, de fato, apaixonadas pelos seus clientes. A entrada do labirinto virou um shopping.

É consenso que tudo e todos precisam estar na internet, através de sites ou blogs, e também nas redes sociais. Infelizmente, para o mercado como um todo, é comum recebermos propostas de serviços encantadoras mas que não se traduzem em resultados reais para os clientes. E cresce a cada dia campanhas catastróficas que levam empresas, prestadores de serviços e candidatos direto para a boca do Minotauro.

Os internautas insatisfeitos, enganados ou induzidos a erro são como o homem-touro que não perdoa e devora vivo quem não atende as suas expectativas. Recentemente uma campanha online trouxe estampada em toda as suas artes, inclusive em material impresso, o endereço errado da fan page do cliente. Quem se interessar e quiser mais informações será levado a uma outra fan page que anuncia roupas íntimas femininas. Detalhe: a campanha nada tem a ver com vestuário. Em outro case, um shopping center regional anuncia na televisão um endereço no YouTube que sequer existe.

Parece que muitas empresas e prestadores de serviços online acham que estão em um jogo divertido com o cliente. Um dos jogos de computador mais conhecidos de todos os tempos chama-se PAC-MAN. Nele, temos que navegar por um labirinto cheio de fantasmas prontos a nos detonar. No jogo é super divertido fugir dos inimigos em busca da vitamina que nos permite virar o jogo. Na vida real, a coisa é bem diferente. Prestar serviços online é coisa para gente grande.